MSN: mundoetilico@hotmail.com | E-Mail: mundoetilico@gmail.com | Etilizado desde 10/10/2007

sexta-feira, 19 de outubro de 2007

NOTÍCIAS QUE NÃO GOSTAMOS DE LER

Por favor, leiam a notícia a seguir:

Motorista bate Ferrari e agride cinegrafista em SP

O motorista de uma Ferrari 2007, avaliada em R$ 1,3 milhão, bateu o veículo na avenida Abraão de Moraes, próximo ao viaduto Aliomar Baleeiro, em São Paulo. O acidente ocorreu por volta das 3h desta sexta-feira. Após a colisão, o motorista do veículo teria agredido um cinegrafista que estava no local para cobrir o acidente.

De acordo com a Globonews, o condutor da Ferrari teria sido orientado pela Polícia Militar a deixar o local depois que perdeu o controle e agrediu o cinegrafista. A Ferrari sofreu danos na traseira e ainda perdeu uma roda. O cinegrafista agredido levou seis pontos na boca e registrou boletim de ocorrência.

O dono do veículo, João Luiz Raiza, que seria o pai do condutor, compareceu durante a madrugada ao 35º Distrito Policial (Jabaquara), onde a ocorrência foi registrada.

O delegado do 35º DP teria acionado a corregedoria da Polícia Militar para saber a razão de o motorista ter sido liberado antes de depor sobre o caso. Ele irá abrir inquérito para apurar a confusão.

Fonte: Redação Terra

Só um minuto aí, o indivíduo bate com o carro, agride fisicamente e duramente um cinegrafista e é liberado pra ir pra casa? Tadinho, ele ficou nervosinho é? Ele não deveria estar na cadeia? Ah é, esqueci, ele é rico, tá explicado. Isso é a impunidade reinando em sua mais pura essência. Será que ele estava bêbado, drogado? Vai lá saber, nenhum tipo de exame foi feito e nem sequer será realizado, afinal, o papaizinho dele já acertou tudo. Sinceramente, fico revoltado com essas coisas, detesto essas coisas... o Brasil não precisa desse tipo de coisa idiota.

Bom, fica aqui meu protesto e gostaria muito que a corregedoria da PM investique o caso e dê explicações sobre o caso, URGENTEMENTE.

5 comentários:

Anônimo disse...

olha a loira gostosa ali ainda...

C4-Dialplus disse...

É lógico que o policial levou uma graninha. Agora sabendo o nome do babaca que estava dirigindo, pode-se pesquisar muito na web para publicar-mos aqui sua foto e etc..
E não deixaria barato, passaria por todos os cadastros, inclusive da Receita.

Mundo disse...

É uma boa idéia essa viu... vamos pesquisar!

Anônimo disse...

Sabe pq essas coisas acontecem?Pq esse país é uma mentira,a justiça é de mentira,as leis,são de mentira!!!

Fusca disse...

João Luís Raiza Filho é sócio de Lulinha, isso a imprensa domesticada não contou. Peixe grande, magnata petista ninguém encosta. Leia mais em

design by E.L.R - v1.0